CPI dos Planos de Saúde recebe técnicos do Procon

24/05/2017 - Assessoria de Imprensa
 
A Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI dos Planos de Saúde, 24 de maio, no Plenário Tiradentes da Assembleia Legislativa de São Paulo, representantes da Fundação Procon - SP. O intuito, da participação dos técnicos, para a definição de um órgão fiscal, a apura e conduzir como reclamações dos usuários do serviço que estão gerando uma grande demanda de reclamações.
 
O deputado Ramalho da Construção (PSDB), membro efetivo da CPI, questionou sobre a dinâmica na apuração das reclamações, além de números de irregularidades apuradas em 2016 e também quantas queixas foram resolvidas.
 
"Há alguns anos, precisamente, passar por uma cirurgia de emergência para retirada de um câncer eo plano de saúde necessário marcar para depois de um ano. Tive que pagar o procedimento e depois recorrer. Um absurdo, os dados da administração ", comentou Ramalho da Construção.
 
Os técnicos do Proponimento explicam que o atendimento é feito em duas fases. Na primeira, receba uma recomendação ou um meio eletrônico. Não havendo conciliação passa-se para uma fase posterior que é o envio para o setor competente de saúde da fundação para as ações com o encaminhamento do processo.
 
De alimentos e de produtos alimentares e de higiene pessoal. Após esclarecimentos a fundação se comprometeu em encaminhar demais informações para o andamento dos trabalhos da CPI.
 
Legenda
O deputado Ramalho da Construção durante um CPI dos Planos de Saúde

<